sábado, 22 de setembro de 2012

As contradições benfiquistas

O que eu e muitos Benfiquistas temos assistido neste inicio de época é algo completamente surreal.

Chegou-se a um ponto em que o ódio a dois homem se está a sobrepor por uma larga margem ao amor ao clube. Chegou-se a um ponto que se sente que existem benfiquistas que desejam ardentemente que os maus resultados apareçam para justificar as suas teorias apocalípticas.. 

Eu entro em blogues benfiquistas e juro que se lhe retirassem as cores, os símbolos e demais adereços Benfiquistas eu diria logo que se tratava de mais um lagarto ou um andrade aziado. Acho que não sou o único a sentir isto e acho que muitos dos próprios autores não têm bem a noção do que por vezes escrevem pois ficam cegos pelo ódio que referi atrás.

Depois são as contradições que se lêem pela blogosfera e respectivas caixas de comentários. Quem já não ouviu as seguintes criticas???
  • Não apostamos na formação, mas... não contratamos ninguém com qualidade para o lugar de Maxi Pereira.
  • Novamente não apostamos na formação, mas... não precavemos as saídas de Javi e Witsel contratando jogadores de qualidade para a posição.
  • Demos 9 milhões por Ola Jonh a pensar que Gaitan iria sair ficando agora com excesso de extremos, mas... devíamos ter dado outros 18 a contar com as eventuais saídas de Javi e Witsel.
  • Em 2011/2012 foi um erro não ter contratado Sálvio por 15 milhões, mas.. em 2012/2013, depois de ter feito perto de 40 partidas e ter ganho a Liga Europa, 13 milhões já foi um negócio vergonhoso (entre os 8 e 13 falados na comunicação social escolheram-se sempre os 13) e novamente a razão do negócio com o Atlético de Madrid teve a ver com o estádio que se diz à meia década estar para ser construído e no qual Vieira que retirar dividendos próprios.
  • Em 2010/2011 e 2011/2012 Saviola esteve miserável e foi um erro ter renovado com ele no final desta época porque precisamos reduzir custos, mas... o Saviola marcou 2 golos e mais uma vez Jesus não percebe nada de bola porque não apostou nele.
  • O empréstimo de Nelsón Oliveira foi vergonhoso porque Jesus não aposta em portugueses e prefere o Cardozo, o Rodrigo e o Lima, mas... ninguém se importou que no ultimo jogo da selecção não apostassem nele em detrimento de Éder que em 9 meses tinha feito 90 minutos oficiais.
  • Jesus anda a gozar com os benfiquistas porque joga numa táctica demasiado ofensiva, em casa contra o Nacional, faltando Javi, mas... Jesus não tem ambição porque foi a  Glagow sem Javi, Witsel, Luisão, Maxi Pereira e Carlos Martins jogar com cautelas defensivas. Outro dado interessante é que o jogo em Glagow, onde no actual formato da champions o Celtic apenas perdeu uma vez com o Barcelona, devia ser fácil vencer.
  • Perdemos o campeonato com a saída de Javi e dias depois voltamos a perde-lo com a saída de Witsel. Nas ultimas 2 semanas não se falou de outra coisa, mas... desde ontem ninguém se lembra dessas saídas para se poder usar o termo falência técnica.
Estes e outros exemplos é o que se tem vivido no Benfica dos últimos tempos, mais agravado com o período pré-eleiroral.

Entretanto o Benfica (equipa) vai dando grandes indicações tendo em conta as saídas registadas. 

Melgarejo desde o jogo contra o Braga deixou de ser falado. O fiel retrato do estado a que chegamos. Faz grandes jogos, logo, não é falado. Vamos ter de esperar por novo erro do miúdo para voltarmos a ver o seu nome nas capas dos jornais e ouvir falar dele por parte dos benfiquistas.

André Almeida fez a estreia na champions com uma boa exibição. Português, com garra, qualidade e conhecimento táctico que ficou esquecido nos comentários sobre a falta de ambição em Glasgow. 

Enzo Perez surpreendeu a número 8. A qualidade técnica e garra já conhecíamos. O que não sabíamos era da qualidade táctica que apresentou. No entanto para alguns ele não jogou nada e foi mais uma invenção de Jesus. Eu apenas fico curioso para ver se o jogo que fez foi apenas uma excepção ou se no final de tanta tinta gasta vamos mesmo ter um plantel equilibrado.

A união que se sente vir do balneário Benfiquista. Para mim é das coisas que me deixam mais confiante para esta época. Sente-se que os jogadores vão dar tudo para ser campeões. A qualidade não nos falta. Vamos ver se nos deixam.

P.S. - Depois de ver a convocatória do Porto para o jogo com o Beira-Mar ainda fico mais estupefacto com os comentários e opiniões após a saída de Javi e Witsel. Para quem não sabe o Porto tem 3 jogadores indisponíveis (Otamendi, Fernado e Lucho) e na convocatória TIVERAM de aparecer Castro, Iturbe, Kelvin e... Abdoulaye. Esse mesmo. O jogador que foi expulso por 4 vezes na época passada e apenas não foi em 5 porque Vasco Santos fez de conta que não viu uma agressão do mesmo a Saviola. Quanto a Rolando continuamos à espera das perguntas da comunicação social para o seu afastamento. De Atsu nem vou falar porque agora já todos acham que é um substituto à altura de Hulk. Se me atrevo a dizer algo contra este prodígio (o segundo messi do Porto) sou logo considerado um idiota.

5 comentários:

  1. Soberbo post... Concordo na íntegra

    Cumprimentos

    ResponderEliminar
  2. Com o meu aplauso, muito bem esmiuçadas as contradições.
    Para os "treinadores inteligentes", depois do resultado, não devia ter sido assim mas ter sido assado!
    Para os "gestores rigorosos" sem a responsabilidade de gerir, depois da tomada de decisões, deviam ter sido tomadas outras ou aquelas foram simplesmente más, sem se dizer por que motivo ou quais teriam sido as boas!
    Os espertos do sabetudo acertam sempre no euromilhões ... depois dos números terem saído!
    Adiante!

    ResponderEliminar
  3. Excelente post.

    Acho que depois das eleições, algumas alminhas acalmam. Ou fecham os blogs.

    O mais engraçado dos anti-vieiristas, é que preferem a mudança pela mudança, e nem sequer são criteriosos com quem o pode substituir.

    Com certeza já se esqueceram dos anos em que tudo mudava e tudo ficava igual ou pior. Eram contentores de jogadores a entrar e a sair. Treinadores nem uma época duravam. Direcções que nem os 3 anos deviam permanecer.

    Trocar o Cardozo por mil e um craques? Só se os outros forem melhores e mais baratos. Trocar o Jesus? Só quando o Mourinho ou o Guardiola estiverem disponíveis. Trocar o LFV? Que apareça uma candidatura crédivel, com um projecto, e que não destrua o bom que foi feito só porque têm de se armar em parvos anti-vieiristas porque não conseguem ser só pró Benfica!

    ResponderEliminar
  4. Os meus parabéns pelo post. Brilhante!

    Como muito bem diz, o ódio - um vício que diz mais do carácter e da personalidade da pessoa que o possui do que do objecto ou da vítima desse ódio - sobrepõe-se ao amor ao clube. E quando assim é os valores estão completamente corrompidos, os princípios adulterados pelos sentimentos mais baixos do ser humano. Sentimentos esses que nem os animais mais detestáveis possuem.

    ResponderEliminar