terça-feira, 29 de setembro de 2020

Parem para pensar

No meu ultimo post disse que achava que o Benfica não devia vender ninguém se tivesse liquidez suficiente para aguentar até ao final da época quando o mercado já estivesse em alta. E que devia até contratar para as posições que ainda lhe faltam. Mas também não é menos verdade que mesmo com o mercado em alta seria dificil fazer um negócio melhor do que este com Ruben Dias.

Como era de esperar já começou a chuva de criticas. Porque vendemos por pouco, Porque vendemos sempre os titulares. Porque era da nossa formação. Porque era dos poucos que sentia o Benfica. Porque era um lider, Porque devia fazer carreira no Benfica, etc, etc.

Vamos lá ver. Ruben Dias realmente era o nosso melhor central na época passada. Mas neste momento da carreira é ainda apenas um bom central. O que é que aconteceu quando venciamos na Alemanha por 2-0 na Liga dos Campeões? O que é que aconteceu logo após o empate no jogo na Ucrânia contra o Shaktar? Ruben Dias ainda falhava. E muito. Apenas falhava menos que os colegas de sector. E estou a falar desta época que foi a sua melhor no Benfica. Nem vou comentar as duas primeiras. Foi também uma vitima de não ter tido um central experiente ao seu lado ao nivel dos que chegaram este ano ao Benfica. Se calhar neste momento era muito mais jogador do que já é.

Mas mesmo que estivessemos a vender já um central top 5 mundial desde quando é que vender um central por 53 milhões e ainda receber outro como Otamendi com 2/3 dos ordenados pagos pelo City no valor de 16 milhões é um mau negócio?

Depois vem a conversa de perder um lider e de ele sentir o Benfica. Só sentir o Benfica não ganha campeonatos. E lider ainda não o era por muito que achem que ir buscar a bola dentro da baliza sempre que sofremos um golo faça de algum jogador um lider. Mas nem tinha já de o ser ou sequer vir a ser. Talvez um dia ou talvez não. O problema é que a comunicação do Benfica fez questão de o apresentar como tal desde o primeiro dia de treinos com a equipa principal. E desde daí que já era apontado como o futuro capitão do Benfica. E estas coisas não se forçam. Têm de acontecer naturalmente.

Quanto a vendermos os melhores relembro que nos últimos 3 anos apenas vendemos 2 jogadores titulares. João Felix e agora Ruben Dias. E no total recebemos mais de 160 milhões!!

Para terminar peço-vos que façam este exercicio mental. Se vos dissessem a 6 meses que a nossa dupla de centrais em vez de Ruben Dias e Ferro ia ser Otamendi (70 internacionalizações pela Argentina) e Vertonghen (120 pela Holanda) o que diziam? E se vos dissessem que os centrais em vez de Ruben Dias, Ferro e Jardel fossem Otamendi, Vertonghen e Ruben Semedo (ou outro com o mesmo perfil), mais 40 milhões?

Acham que tem alguma comparação?

Agora que se feche Ruben Semedo (ou outro) o mais rapidamente possível e se arranje um 8.  Em relação ao Vinicius eu achava que não se devia vender já. Mas se for para ficar como 4ª opção de ataque e desvalorizar ao ponto de nem conseguirmos receber o valor que já nos ofereceram nesta janela de transferências, então que se venda já e se aposte a sério em Gonçalo Ramos.

P.S. - Espero não ter sido desagradavel com o Ruben Dias. Não tenho nada a dizer acerca da sua postura nestes anos de Benfica. Deu tudo o que tinha e tentou sempre ser melhor. Que tenha muita sorte nesta nova etapa da carreira. Não tenho duvidas que com daqui a uns anos vai chegar a um nível muito alto.

sexta-feira, 25 de setembro de 2020

Benfica desesperado para vender

Esta é a nova mensagem passada pela cartilha. Nos últimos dias, em todos os programas relacionados com futebol, parece que o Benfica está para abrir falência. Já em relação ao Porto não se ouve falar de nada. Pelos vistos respira saúde financeira. É impressionante a forma desavergonhada como a comunicação social consegue trocar as situações financeiras de 2 clubes. Senão vejamos.

O Benfica apresentou as suas contas com um resultado positivo de 41.7 milhões de euros. O sétimo ano consecutivo a apresentar lucros. Ainda assim conseguiram concluir desse relatório que o Benfica escapou por pouco ao fair-play financeiro. Isto porque CUMPRIU por pouco o valor RECOMENDADO de um dos items.

Já o Porto, que está mesmo intervencionado pela UEFA, teve um prejuizo de 52 milhões no primeiro semestre. Tendo em conta que não venderam qualquer jogador até ao final de Junho não é de estranhar que o rombo ultrapasse os 80 milhões. Isto não contando com prémios da conquista do campeonato que já devem aparecer nas contas de 2020/2021.

Em tempo de pandemia o Benfica não precisou de fazer lay-off e não consta que tenha falhado qualquer pagamento a quem quer que seja. Já o Porto fez lay-off e mesmo assim fala-se de ordenados e prémios em atraso. E por exemplo nos casos de Marquesin e Saravia já houve queixas de falta de pagamento dos jogadores.

O Benfica liquidou, numa primeira fase, um empréstimo obrigacionista. Mais tarde fez um novo de 50 milhões que podiam ter sido 70 milhões dada a procura. Já o Porto não conseguiu liquidar um de 35 milhões. Nem sequer renova-lo. Ou seja, não conseguiu metade do valor da procura do emprestimo feito pelo Benfica. Teve de adiar o pagamento desse empréstimo para o final desta época, numa altura em que tem outro para liquidar. E dificilmente conseguirá renovar ambos.

O Benfica tem todos os principais jogadores blindados com contratos duradouros. Já o Porto tem pelo menos 4 titulares a poderem assinar por outros clubes no espaço de 3 meses.

O Benfica tem uma equipa jovem e possui a totalidade dos passes de praticamente todos os jogadores. Olha-se para o plantel do Benfica e vê-se perfeitamente Ruben Dias, Vinicius, Walshmidt, Everton ou Darwin a poder render acima dos 40 milhões no final da época. Já o Porto tem uma equipa envelhecida, com vários jogadores a terminar contratos e outros com percentagem reduzida dos passes. O único que se vê a ser vendido por esses valores é Luis Diaz.

O Benfica gastou 62 milhões (fala-se sempre em 80 porque são contabilizados os 18 de Pedrinho nesta época embora tenha sido contratado ainda no exercicio anterior e já deve estar contemplado nos resultados do último relatório. Se estiver enganado espero que me corrijam). Tendo em conta o emprestimo obrigacionista que fez e o facto de ter conseguido com que pagamento destes reforços se inicie apenas na próxima época deve ter liquidez suficiente para vários meses. Só deverá ter de vender no final da época onde se espera que o mercado já esteja melhor.

O Porto precisa de fazer 100 milhões de mais-valias neste mercado de transferências. Até ao momento fez 30 com a venda de Fábio Silva mas gastou 20 em reforços. Ou seja. Neste momento vai em 10 positivos. Ficam a faltar 90. E repito. Neste mercado de transferências. Outras equipas por bem menos já foram afastadas das competições europeias. E não esquecer que daqui a menos de 1 ano ainda existem 70 milhões de 2 empréstimos para saldar e que a massa salarial do clube é bastante elevada.

E é esta a realidade de ambos os clubes. Para quem liga a tv nos ultimos dias é que não parece.

Em relação ao Benfica e tendo em conta o mercado estar em baixa espero que não venda ninguém. Mesmo no caso dos jogadores excedentários que ainda tenham vários anos de contrato é preferivel realizar apenas emprestimos para daqui a um ano os conseguirem vender com um mercado em alta. Se existir liquidez até espero que se contratem mais jogadores.

Já o disse e volto a repetir. Esta é uma altura única para os clubes que estão fortes financeiramente. Tão cedo não haverá outra possibilidade de contratar jogadores ao preço com que contratamos por exemplo Everton e Waldshmidt. No espaço de 1/2 anos se tudo correr como esperado estes investimentos vão dar um retorno brutal. A nível financeiro mas principalmente a nível desportivo.

domingo, 20 de setembro de 2020

Já deu para perceber a diferença?

Gabriel no lugar de Weigl e é logo todo um mundo de diferença. Finalmente uma hora antes do jogo, ao ver a equipa titular, voltei a ter aquela sensação agradável de que as probabilidades de vencermos o jogo eram bastante elevadas.

Para terem mais um pouco de noção de como é um Benfica com e sem Weigl aqui ficam mais uns números:

  • Com Weigl
    • 1791 minutos jogados
    • 29 golos marcados (1.45 golos marcados a cada 90 minutos)
    • 28 golos sofridos (1.40 golos sofridos a cada 90 minutos)
  • Sem Weigl
    • 709 minutos jogados
    • 20 golos marcados (2.5 golos marcados a cada 90 minutos)
    • 7 golos sofridos (0.88 golos sofridos a cada 90 minutos)

Sem Weigl são números de equipa que luta pelo titulo. Com Weigl são números de equipa do meio da tabela. Eu espero é que agora não lhe voltem a dar a titularidade. Tentem fazer dinheiro com ele (se é que conseguem). Ficamos bem com Samaris, Florentino, Gabriel e Taarabt. E na equipa B ainda lá estão Vukotic, David Tavares e Camara.

Agora fica a faltar Grimaldo. Ontem mais uma vez papado como se de um meco se tratasse. 2 jogos e 2 golos sofridos a custa dele. Marcou um golo de livre mais de um ano de tentativas depois (talvez ajude a fazer uns trocos). Do outro lado Almeida vai com 2 jogos e 2 assistências. Mas lá está. A culpa de tudo no Benfica é dele. Já Nuno Tavares entrou e teve 3 arrancadas que quase acabaram em golos. Eu já gostava dele, mas sinceramente não pensei que nesta altura já tivesse o nível que tem vindo a demonstrar na pré-época. Se houver coragem para o meter a jogar, no final da época já vai ser dificil de o segurar. E se um dia sair vai ser a venda mais cara de um lateral no Benfica.

Já hoje Gonçalo Ramos marcou mais 3. Desde que se estreou pela equipa principal com 2 golos, já fez 4 golos na Youth League e agora mais 5 em 2 jogos na segunda liga. Depois de Renato e Felix vai ser Gonçalo o proximo grande jogador vindo da formação. Com um jogador destes não precisamos de mais avançados. A não ser que se venda Vinicius e Seferovic. Mas se o Benfica aguentar em termos de liquidez até ao final da época eu aguentava Vinicius. Com Waldshmidt ou Darwin ao lado vai marcar muitos golos e no final da época podemos vendê-lo em alta e já temos Gonçalo Ramos para entrar na equipa.

Falta ainda um central. Mas depois da conversa de ontem sobre adaptar Diogo Gonçalves a lateral fiquei com a sensação que André Almeida vai passar a ser a terceira opção para posição.

P.S. - O Porto iniciou o campeonato como é costume. 2 penalties e um golo irregular (Sérgio Oliveira apoiou-se num adversário para empatar o jogo de cabeça). Desde que Conceição disse sem pudor que o que faltava a sua equipa eram mais penalties que a média é de quase 1 por jogo.

P.S.2 - Otávio não foi castigado depois do que disse após a final da Taça. Ainda sou do tempo em que Enzo Perez fez um gesto de roubo e 2 dias depois já tinha sido castigado com 1 jogo. Depois dizemos que perdemos para o pior Porto dos ultimos anos. Porto esse que nem os seus adeptos aguentam ver jogar mas que em termos de pontos é melhor que o Porto de Mourinho.

quarta-feira, 16 de setembro de 2020

Legado Weigl

  • 22 jogos
  • 10 vitórias
  • 6 empates 
  • 6 derrotas
  • 45% de vitórias 
  • 29 golos marcados (no tempo em campo)
  • 28 golos sofridos (no tempo em campo)
  • 1 golo marcado (a jogar contra 9)
  • 0 assistências
  • Considerando a altura em que saiu de campo nos jogos contra Desportivo das Aves e Guimarães em casa, com a equipa a perder e empatada, fica o saldo em 8 vitórias, 7 empates e 7 derrotas (36% vitórias).
  • Das 8 vitórias 5 foram a jogar com Gabriel ao seu lado (Sporting 2x, Paços Ferreira, Rio Ave, Boavista), 1 com Taarabt (Belenenses), 1 com Samaris (Gil Vicente) e ainda outra contra o Rio Ave para a Taça onde o Benfica perdia por 2-1, ele recuou para central no lugar de Ferro, e no meio campo ficaram Chiquinho e Taarabt.
  • Ainda nessas 8 vitórias, 5 foram pela margem minima e em 3 foram vitórias com 2 golos de diferença.
  • 0 goleadas.
  • Única goleada para o campeonato desde a sua chegada (4-0 contra o Desportivo das Aves) no único jogo em que ele não participou nesta prova.
  • No maior periodo em que esteve de fora da equipa (150 minutos entre 60 minutos do jogo com o Guimarães e 90 do jogo com o Desportivo das Aves) o Benfica marcou 6 golos e não sofreu nenhum.
  • 4 golos sofridos em casa contra o Santa Clara
  • Derrota na final da Taça contra o Porto a jogar com 1 a mais. Quando saiu por volta dos 60 minutos o Benfica não tinha feito qualquer remate a baliza.
  • Fora da Liga dos Campeões pela primeira vez em 10 anos, depois de na época anterior termos estado com 7 pontos de vantagem no campeonato.
  • 32 vitórias, 1 empate e 1 derrota para o campeonato antes da sua chegada, quando inacreditavelmente entrou a titular na equipa sem fazer qualquer treino e de lá nunca mais saiu nos piores 9 meses que vivi de Benfica.

E podia continuar por aqui a baixo numa lista sem fim. Mas nem com isto tudo parece que abrem os olhos. A p*** da culpa continua a ser do Almeida como uma rápida e penosa passagem pelas redes sociais atesta. E é tão mais penosa porque a esmagadora maioria não toca sequer em Weigl e Grimaldo.

Em relação a Grimaldo basta dizer que Zivkovic em 4 anos de Benfica nunca marcou um golo nas competições europeias. Bastaram-lhe agora 20 minutos com o Grimaldo pela frente para o fazer. Fomos com Emerson ou Eliseu a quartos de final da Liga dos Campeões e com Melgarejo a uma final da Liga Europa. Com o portento Grimaldo nem lá perto chegamos. Com ele o Benfica já foi eliminado das competições europeias por Eintrach, Shakhtar ou Paok e goleado por Napoles, Basileia e Bayern.

Mas para não fugir do tema principal do post, tem sido uma angústia estes últimos 9 meses de Benfica. Jogo após jogo, quando vou espreitar o 11 titular uma hora antes do jogo, fico com um aperto no coração porque a probabilidade de vir aí mais uma desilusão é maior do que vir uma alegria. É penoso.

Se alguém conseguir, que faça chegar a lista de cima a Vieira. E que ele perceba que sem a m**** alemã o Benfica era hoje Bi Campeão, tinha feito a dobradinha, estava pela 11ª vez consecutiva na fase de grupos da Liga dos Campeões, tinhamos mais 60 milhões nas contas (20 que gastamos nele e os 40 da Liga dos Campeões), as próximas eleições iam ser uma formalidade e o Porto estaria a disputar as pré-eliminatórias da Liga dos Campeões com outro treinador e sem metade da equipa.

De uma vez por todas que despache o gajo. Por 10, 5 ou até dado. Que vá contra a vontade do treinador se for preciso. Já chega desta merda. Eu quero olhar para dentro do campo e sentir que estão lá 11 jogadores a Benfica. Sem amélias que não são capazes de meter o corpo para ganhar uma bola e passam o jogo todo a fazer passes de 2 metros para os laterais ou centrais, como ontem a perder por 2-0 ele fazia.

De uma vez por todas ACABEM com esta brincadeira ou corremos o sério risco de em 1 ou 2 anos recuarmos 10 anos.

segunda-feira, 14 de setembro de 2020

O Benfica em primeiro lugar

Portugal está em sobressalto com o apoio de Costa e Medina a Luis Filipe Vieira. E falamos de apoio, algo que em democracia qualquer pessoa o devia poder fazer sem problemas. Não falamos de fazer parte da lista de Vieira a algum orgão do clube que crie uma incompatibilidade de funções. Portanto qualquer comparação com o que se passou no Porto nas últimas eleições é para rir. Rui Moreira que resumia o Apito Dourado a um auto de fé e que fugia literalmente do tema, ou Luis Filipe Menezes que em conjunto com o Porto criaram a 10ª pior fundação em Portugal para criar um centro de estágios ao Porto a ser pago em 2666 anos, fazem agora parte de orgãos do clube.

Mas este borburinho não é surpresa. O que andam a fazer ao Benfica nos últimos 3 anos não tem comparação em Portugal. Nunca uma instituição e todos os que a representam ou a apoiam foram tão perseguidos pela comunição social e pela justiça portuguesa.

Reparem na quantidade de buscas que fizeram ao Benfica. Vejam a condenação pública feita ao Benfica baseada em emails roubados e truncados (em contraste com a condenação ao Porto na ERC e na justiça devido a sua truncagem e divulgação), em peças jornalisticas sem rostos e com vozes distorcidas e em denúncias anónimas. Vejam como a Judiciária do Porto com base numa dessas denúncias foi até Lisboa fazer buscas ao estádio da Luz dando o nome ao processo de mala ciao em clara provocação ao Benfica (clara associação a musica do titulo do Porto nesse ano de penta ciao).

Reparem o que fizeram aos comentadores do Benfica com a questão da cartilha. Comparem com a falta de destaque dado aos pequenos almoços no Sporting com jornalistas ou com as viagens pagas aos comentadores do Porto. Hoje nos programas desportivos o Benfica está orfão na defesa do clube. A esmagadora maioria desses programas consiste num boneco do Benfica a levar pancada dos comentadores dragartos, do apresentador e muitas vezes de comentadores isentos como Rui Santos, Otavio Lopes ou Vitor Pinto.

Rui Gomes da Silva era um desses comentadores do Benfica. Dos mais atacados por sinal, e que teve até honras de emails com o caso do bruxo. De repente passou a ter sossego. Desde que começou a criticar Luis Filipe Vieira e a levantar suspeitas em todos os actos de gestão no clube que ninguém da MDCSDQT (desculpa o abuso pela expressão caro Guachos), dos comentadores adversários e da cartilha azul lhe toca.

Reparem no que fizeram aos árbitros associados ao Benfica? Vejam o que aconteceu a Jorge Ferreira, João Capela, Bruno Paixão ou Tiago Antunes. Vejam a quantidade infindável de erros sempre favoráveis ao Porto e contra o Benfica que têm existido nos últimos anos. Muitos desses erros deviam dar direito a investigações criminais tendo em conta a existência de video-árbitro.

Reparem no que fizeram com Centeno, presidente do Eurogrupo na altura, também ele alvo de buscas por ter ido assistir a um jogo no estádio da Luz. Reparem nos julgamentos publicos que fizeram a tantos outros por terem a desfaçatez de assistir a jogos do Benfica. Parece que nunca nenhum ministro, politico ou juiz assistiu a um jogo no Dragão. O que nunca se viu na Luz foi um árbitro no activo a assistir a um jogo numa bancada VIP. Já no Dragão não podem dizer o mesmo e as arbitragens de Manuel Oliveira falam por si.

Reparem no que se diz de todos os negócios que o Benfica faz com Jorge Mendes em contraste com os que ele faz com Porto e Sporting. Reparem na celeuma dos 10% de comissões que o Benfica lhe paga em contraste com os perto de 20% que o Porto lhe pagou agora. Reparem como num caso são mendilhões e lavagem de dinheiro e nos outros são apenas excelentes negócios.

Reparem no que fizeram com Paulo Gonçalves. O caso mais mediático em Portugal relacionado com acesso indevido a processos em segredo de Justiça. CM, Expresso, Público e muitos outros ainda hoje se estão a rir. Mas sabem o que é mais grave neste caso? É (ou era) existir um sistema informático com informação tão sensivel e que permitia trocar uma password após 3 tentativas erradas. Tendo experiência na área não acredito que tal erro grosseiro de segurança seja involuntário. Ninguém pode ser burro a esse ponto, muito menos uma equipa inteira que teve de tratar de um projecto dessa magnitude. Portanto nesse caso o que se devia investigar é a raiz do problema. Saber o porquê e o quem para deixarmos de ficar admirados quando a CMTV já tem as camaras a filmar quando alguma equipa da PJ aparece num local para fazer buscas.

Reparem no que fizeram a Domingos Soares Oliveira com os emails acerca do casamento da filha. A história é que o Benfica pagou o casamento como um evento do clube e esse valor foi descontado depois no ordenado. Isto por questões fiscais. Eu não sei se isso é ilegal. Se for também é de um valor irrisório. No entanto a história nunca foi vendida dessa forma. A ideia foi sempre a de colar uma imagem de que ele se estava a apropiar do dinheiro do clube quando na realidade o casamento deve-lhe ter ficado bem mais caro devido ao número de pessoas que "teve" de convidar pela posição que ocupa no clube.

Reparem nos constantes ataques a Luis Filipe Vieira que se têm intensificado a medida que se aproximam as eleições. E algo me diz que ainda vão piorar e que coincidentemente alguma acusação irá aparecer mesmo em cima das eleições.

Portanto no meio disto tudo ainda não perceberam o que se passa? O que se passa é que querem destruir o Benfica. Atacando todas as pessoas que fazem parte do clube. Criando divisões internas explorando a nossa maior fragilidade que é esta divisão extremista relativamente a Luis Filipe Vieira. Isolando o clube e criando um estigma em todos os que possam ter influência directa ou indirecta no dia a dia do clube.

E não pensem que com a entrada de Noronha Lopes ou Rui Gomes da Silva no Benfica as coisas vão mudar. No dia em que isso acontecer são eles que vão passar a ser os alvos, porque o alvo principal vai ser sempre o Sport Lisboa e Benfica. E quando voltarmos a perder mais um campeonato para um Porto miserável em termos futebolisticos mas que consegue fazer novamente melhor pontuação que o Porto de Mourinho, como aconteceu nos últimos 3 anos, então só mudaremos o nome da pessoa que estaremos a insultar.

Para terminar que já vai longo, isto não é um texto  eleitoral como muitos provavelmente vão depreender. Votem em quem acharem que devem votar. No final das eleições aceitem quem ficar. Mas em todos os momentos defendam o Benfica.

E Pluribus Unum

UPDATE: Estes Pinto da Costa come ao pequeno almoço. É assim que ele explora a divisão extremista relativamente a Luis Filipe Vieira. Até parece que ele não meteu a carne toda no assador (comunicação social e cartilheiros) nos últimos 2 dias a full time contra o apoio de António Costa a Vieira. E mais uma vez isto não tem a ver com Luis Filipe Vieira. Tem a ver com o Benfica. Estamos a pouco mais de 24 horas de um jogo importantissimo (também para eles), arbitrado por Feliz Brych, e conseguiram instalar um ambiente tóxico em torno do Benfica. E quando sairem as contas deles vai ser outra coisa qualquer. ACORDEM.

sexta-feira, 11 de setembro de 2020

Incompetência sem fim

Hoje foi só mais um episódio na Liga de Pedro Proença. 4 jogadores do Chaves acusaram ontem positivo a Covid e o que é que a Liga faz? Deixa que ambas as equipas, bem como a equipa de arbitragem, façam o aquecimento. E mesmo antes de se iniciar, a partida é cancelada. Meio ano para prever estas situações, mais 24 horas para resolver o caso, e mesmo assim foi permitido que ambas as equipas estivessem juntas antes do jogo ser cancelado.

 

Proença é das pessoas mais incompetentes que já passaram pela Liga. São casos atrás de casos de incompetência. Ainda na época passada a situação do Aves foi vergonhosa (como é que é possível ser permitida uma equipa na primeira Liga que em Janeiro já tem ordenados em atraso?). Outros, por muito menos, foram despachados. Mas este protegido de Sporting e Porto continua lá agarrado e pelos vistos de lá não sairá tão cedo. Por muita porcaria que faça.


Desde que permita tudo a Porto e Sporting (até mesmo competir sem regularizar as suas dividas, sendo que o Sporting até se anda a reforçar para a proxima época com o dinheiro que deve a um concorrente directo), e que prejudique o Benfica em tudo o que estiver ao seu alcance (entre uma deslocação a Grécia e uma possivel deslocação a Russia para entrar na Liga dos Campeões, foi "sorteada" uma das deslocações mais longas do Benfica para o campeonato e com menos de 72 horas de descanso).

terça-feira, 8 de setembro de 2020

A liga do Proença

Só mesmo com uma das personagens mais asquerosas que passaram no futebol português como presidente da liga é que é possível estar a acontecer esta situação entre Sporting e Braga.

O Sporting numa estratégia despodurada foi buscar o treinador do seu adversário directo na época passada para tentar alcançar o terceiro lugar. Não o conseguiu, mas o verdadeiro objectivo não era o resultado final da época passada. O verdadeiro objectivo tem a ver com o resultado final desta época que pode levar o terceiro classificado a disputar as pré-eliminatórias da Liga dos Campeões.

E enquanto o Sporting anda a apresentar resultados positivos no relatório de contas num valor superior ao que deve ao Braga, e já se reforçou também num valor superior ao que deve, o Braga está a espera desse dinheiro para ele próprio se poder reforçar. E obviamente não vai ter esse dinheiro antes do fecho da janela de mercado.

E assim um clube foi buscar uma equipa técnica e anda a formar um plantel a custa do dinheiro de um concurrente directo sem que a liga mexa uma palha em relação a isso. E se por acaso chegarem a Liga dos Campeões na próxima época ainda são capazes de no gozo pagar a divida no proprio dia.

Entretanto o Setúbal já foi despromovido por causa de uma divida inferior a 1 milhão de euros e no seu lugar na primeira liga ficou o despromovido Porto B.

Apito Dourado? Foi uma brincadeira de crianças.