terça-feira, 27 de março de 2018

O futuro que querem esconder

Nos últimos discursos LFV tem falado bastante nos projetos que o Benfica tem em vista para os próximos anos e neste último aproveitou para formalizar o final de relação entre o Benfica e um banco.

Esta mensagem ser esquecida ou desvalorizada pela comunicação social é normal. Já me deixa um pouco mais incomodado que alguns Benfiquistas não percebam a dimensão do que está a ser feito no Benfica.

Anda muita gente preocupada com a antecipação de receitas da NOS para pagar a totalidade dos empréstimo a um determinado banco. Acho que todos percebemos qual é o banco em questão. Estamos a falar da Olivedesportos dos tempos modernos, ou seja, do banco que tira ao Benfica para dar a outro clube. Antigamente a Olivedesportos dava ao Porto. Hoje os milhões em juros que o Novo Banco cobra ao Benfica servem para emprestar ao Sporting sem juros. Esta opção por parte do Benfica até me parece mais política do que realmente necessária. É verdade que são 2 anos e meio de contrato da NOS que estão em causa mas no futuro significa uma poupança tremenda em juros de empréstimos.

Desde que o Benfica começou a apostar na formação o mundo mudou e pede-se agora investimento no plantel em vez de investimento em infraestruturas. Eu percebo que toda a gente gostava de ter um novo Garay, Javi Garvia, Witsel, Enzo Perez, Gaitan, etc.  Mas esses hoje já não custam 5/6 milhões. Já ninguém os vende por esses valores. Por 5 milhões só um Acuña se o deixarmos de pagar a meio.

E depois temos o Seixal. Ainda existe alguém que não percebe a mina de ouro que ali temos? Nos últimos 5 anos vendemos jogadores aos melhores clubes do mundo. Vendemos também uma segunda categoria de jogadores para equipas mais modestas mas que renderam bom dinheiro (Cavaleiro, Helder Costa, Nelson Oliveira). Temos hoje equipas dispostas a pagar 15 milhões por jogadores que ainda nem chegaram à equipa B. E um conjunto de jogadores com contrato que nos dão garantias não só para reforçarmos o plantel como para fazer dinheiro com os que infelizmente não conseguirem conquistar um lugar.

Alguém reparou na selecção sub21 nesta paragem para as selecções? Na sexta, com 7 jogadores nossos, vitória por 7-0. Um hat-trick de Diogo Gonçalves, um bis de João Carvalho e um de João Félix que já está 2 anos adiantado. Hoje mais uma grande vitória na Suíça com 8 jogadores nossos. Golos de Heriberto, André Horta e mais um de João Félix. Meio campo e ataque só com jogadores do Benfica (Rafael Leão começou a titular mas saiu aos 10 minutos por lesão). Hoje também tivemos um bis de Gedson Fernandes nos sub19 e outro bis de Famana Quizera nos sub16.

Agora imaginem toda esta qualidade a duplicar. Aliás, com um colégio e com maior capacidade para ter jovens no Seixal, imaginem alguns dos poucos Gelsons ou Dalots que aparecem nos rivais a preferirem o Benfica. A diferença gigante que já existe entre a nossa formação e a dos nossos rivais passará a ser abismal. Qualquer pai vai querer ter o seu filho ali.

P.S. - O Sporting pede incessantemente a intervenção do governo no futebol e tenho de estar de acordo com eles. Está na hora de acabar com a pouca vergonha entre o Novo Banco e o Sporting. Um banco intervencionado pelo estado, injectado com o dinheiro dos contribuintes não pode continuar a meter milhões atrás de milhões num clube de futebol sem qualquer retorno financeiro. São mais de 150 milhões a praticamente 0% de juros. Isto é um dos maiores ESCANDALOS que já se viram em Portugal. Ainda por cima num clube que como se tem visto não honra os seus compromissos.

6 comentários:

  1. Um post muito inteligente de alguém que percebe o que se passa e que acerta em cheio em tudo o que afirma. Os meus parabéns!
    Fossem todos os benfiquistas assim.
    O futuro é vermelho!!! É isso que os deixa desesperados.
    Intervenção do governo? Ahahahahahah!
    No tempo da velha senhora é o que teria acontecido!

    ResponderEliminar
  2. Francisco J Marques revela detalhes de processo em segredo de justiça
    por Hugo Gil
    Há neste momento uma pessoa detida por supostamente ter violado o segredo de justiça. Pelos vistos ainda há quem ande na televisão a fazer o mesmo e não lhes acontece rigorosamente nada. Caso para dizer: Olha para o que eu digo, não olhes para o que eu faço.

    O diretor de comunicação do FC Porto, Francisco J Marques, divulgou ontem no Porto Canal, detalhes do recurso de Paulo Gonçalves no caso dos e-mails.

    "Não se compreende, ainda, as referências do recorrente a "... queixas, queixinhas e queixumes mediáticos" e a "...programas do Porto Canal", quando o titular da ação penal não apresentou, nem tinha que apresentar no momento em que o constituiu como arguido, quaisquer provas das suspeitas que invocou. Em causa, está a investigação de alegados atos de pressão e influência, visando influenciar decisões de outras entidades, o que não é de esperar conste de atestados ou certidões arquivadas em pastas ou ficheiros devidamente identificados", disse Francisco J. Marques lendo a decisão do Tribunal.

    O mais curioso é que o Francisco J Marques acusa o Benfica de espionagem na justiça como forma de a influenciar, dando a entender que a controla, no mesmo programa em que ele próprio apresenta um acórdão que devia estar em segredo de justiça
    Ou seja, afinal quem controla a máquina judicial?



    E quem são as toupeiras que permitem que o Porto divulgue estas peças processuais?
    Quais são as contrapartidas que o Porto lhes oferece?
    São bilhetes como fazia com os inspectores do SEF?
    São bilhetes de avião como fazia com os árbitros?
    São outras benesses como fazia e continua a fazer com juízes, políticos e toda a sorte de pessoas com influência social, política, Desportiva e jurídica?
    São promessas de emprego como fez com polícias, porque nunca se sabe quando se pode precisar deles?
    E que dizer da acusação do Francisco que tudo isto faz parte de uma estratégia de controlo da comunicação social, quando é ele que entrega informação em segredo de justiça a publicações como o JN, O Jogo, Record, Sábado, Expresso e Correio da Manhã?
    Toda a gente se indigna com o facto de alegadamente o Benfica ter tido acesso a processos que estavam em segredo de justiça. Mas toda a gente parece que acha normal quando o porta voz do crime organizado o faz e pior, divulga o teor desses processos em programas televisivos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. a puta da tua mãe é que é toupeira gordo de merda e o jjoão gonçalves e a puta do pedro guerra mais gordo que a tua avó

      Eliminar
  3. A dimensão da campanha suja para denegrir o SPORT LISBOA E BENFICA, é proporcional à necessidade de sobrevivência de dois clubes a caminhar para o abismo...sem projetos para acompanhar o Maior de Portugal, diria mesmo que de momento, nem caoacidade têm de copiar!!
    Temos de nos manter unidos, denunciar todas as acções passíveis de serem punidas pela Justiça Desportiva e Civil e, esperar que esta cumpra a sua função, como uma das bases fundamentais de um Estado de Direito!!
    Irmos até onde for necessário, nas instâncias Nacionais e internacionais, para que estes jumentos percebam que praticar crimes tem consequências...

    ResponderEliminar
  4. Muito bom!
    Neste assunto ainda ha dois pontos importantes:
    1º Ao acabar com o financiamento à banca os bancos deixam de receber juros do SLB, ou seja, não irão facilitar muito a vida para os clubes que precisem. Juro 0 e 1% já era. Alias com este rombo do NB veremos como fica a historia de juro a 0 ou 1% a uma semana de sair o resultado...

    2º deixando de pagar os 15MM anuais à banca podemos aumentar o teto salarial para segurar os principais atletas com contratos mais altos e ir buscar atletas feitos com mais reputação. Junto a isto as melhorias na academia que fica cada vez melhor, colocando mais jogadores nos principais campeonatos da Europa e envolvidos em negociações (sempre com a receber % de solidariedade de formação).

    Enfim, venha esse futuro. 10 anos à frente é pouco!

    ResponderEliminar